Sessão: Segunda-feira, 11 de maio de 2015

.: Decisão da 1ª Comissão Disciplinar - 11 de maio de 2015 :.

                                               1° COMISSÃO DISCIPLINAR

ATA DA SESSÃO DO DIA 11 DE MAIO DE 2.015

EDITAL DE CITAÇÃO/INTIMAÇÃO N° 029/2015

Ao décimo primeiro dia do mês de maio do ano de dois mil e quinze, às dezenove horas, na sede do Tribunal de Justiça Desportiva do Estado do Paraná localizada na Avenida República Argentina, 2153, bairro Portão, Curitiba, Paraná, reuniram-se os Auditores Membros da 1° Comissão Disciplinar deste Tribunal, José Eduardo Quintas de Melo – Presidente em exercício, Carlos Alberto Zitta , José Eduardo Quintas de Melo , Miguel Ângelo Rasbold, Marcel Souza de Oliveira, e o procurador Rodolfo Gardini Fagundes. Havendo quorum legal, passou-se a pauta, observando-se os pedido de preferência, na ordem adiante transcrita:

AUTOS N°. 58/2015 – EM TRÂMITE

AUDITOR RELATOR: DR. MIGUEL ANGELO RASBOLD

2ª COPA DE FUTEBOL AMADOR DA CAPITAL – 1ª RODADA – 1ª FASE

JOGO: UBERLÂNDIA EC X SOBI SÃO BRAZ  DATA: 28/03/2015

DATA: 28/03/2015

DENUNCIADO (S):

UBERLÂNDIA EC

DENÚNCIA DA PROCURADORIA: DR. RODOLFO GARDINI FAGUNDES

 1° DENUNCIADO: UBERLÂNDIA EC, entidade de prática desportiva, ao deixar de solicitar policiamento  para partida, culminou na ausência de policiamento durante o evento, e com tal conduta, a entidade denunciada praticou o ilícito tipificado no inciso III, do art. 191 do CBJD, ao deixar de cumprir o disposto no art. 13, do Regulamento da Competição, devendo sofrer as sanções previstas nos artigos supracitados.

 

observações:

Defensor:

 

DECISÃO 1º C.D:

 UBERLÂNDIA EC: POR UNANIMIDADE, ABSOLVIDO.

 

AUTOS N°. 61/2015 – EM TRAMITE

AUDITOR RELATOR: DR. MARCEL SOUZA DE OLIVEIRA

 COPA DE FUTEBOL AMADOR DA CAPITAL – CRUZAMENTO ENTRE GRUPOS A e B

JOGO: VILA FANNY FC x UNIAO CAPÃO RASO FC

DATA: 18/04/2015

DENUNCIADO (S):

ROGÉRIO V. ALEXANDRINO

DENÚNCIA DA PROCURADORIA: DR. PEDRO HENRIQUE VAL FEITOSA

1° DENUNCIADO: ROGÉRIO V. ALEXANDRINO, técnico da EDP Vila Fanny FC, excluído de campo aos 38’ (trinta e oito minutos) do primeiro tempo de partida, pois, conforme consta do relatório do árbitro da partida e do Delegado do jogo, reclamou da equipe de arbitragem, dirigindo-se ao árbitro proferindo os seguintes dizeres: “vai tomar no cú, você não apita nada seu merda”. Após sua exclusão, continuou dizendo: “filho da puta, tem que morrer aqui seu merda.” Com tal conduta, o Denunciado praticou o ilícito tipificado no art. 258, do CBJD.

Observações:

Defensor (a):

DECISÃO 1° C.D.:

ROGÉRIO V. ALEXANDRINO: POR UNANIMIDADE, SUSPENSÃO EM CONCRETO DE I (UMA) PARTIDA, PELO ART. 258, parágrafo, II do CBJD.

______________________________________________________________________________

AUTOS N°. 64/2015 – EM TRÂMITE

AUDITOR RELATOR: DR. MARCEL SOUZA DE OLIVEIRA

COPA DE FUTEBOL AMADOR DA CAPITAL – CRUZAMENTO ENTRE GRUPOS A e B 

JOGO: UBERLANDIA EC x GR IPIRANGA

 DATA: 18/04/2015

DENUNCIADO (S):

PAULO SERGIO MARTINS

DIEGO NEPOMUCENO

JOÃO ANTONIO BATISTA

DENÚNCIA DA PROCURADORIA: DR. PEDRO HENRIQUE VAL FEITOSA

 1° DENUNCIADO: PAULO SERGIO MARTINS, atleta da EDP Uberlândia EC, expulso aos 44’ (quarenta e quatro minutos) de partida, pois, conforme consta do relatório do árbitro da partida, deu uma solada com as travas da chuteira no estômago de seu adversário, o qual necessitou de atendimento médico. Com tal conduta, o Denunciado praticou o ilícito tipificado no art. 254-A, do CBJD.

 2° DENUNCIADO: DIEGO NEPOMUCENO, atleta da EDP Uberlândia EC, expulso aos 67’ (sessenta e sete minutos) de partida, pois, conforme consta do relatório do árbitro da partida e do Delegado do jogo, deu uma cotovelada no rosto de seu adversário, o qual necessitou de atendimento médico. Com tal conduta, o Denunciado praticou o ilícito tipificado no art. 254-A, do CBJD.

3° DENUNCIADO: JOÃO ANTONIO BATISTA assessor técnico da EDP Uberlândia EC, excluído de campo aos 53’ (cinquenta e três minutos) de partida, pois, conforme consta do relatório do árbitro da partida e do Delegado do jogo, reclamou ostensivamente da equipe de arbitragem, dirigindo-se ao árbitro proferindo os seguintes dizeres: “caralho!, não tem cartão. É só pra gente porra. Tá de sacanagem”. Com tal conduta, o Denunciado praticou o ilícito tipificado no art. 258, do CBJD

Observações:

Defensor (a):

DECISÃO 1° C.D.:

PAULO SERGIO MARTINS: POR UNANIMIDADE DE VOTOS, A SUSPENSÃO DE 2 (DUAS ) PARTIDA, COM FULCRO NO ARTIGO 254-A E 182 DO CBJD.

DIEGO NEPOMUCENO: POR MAIORIA DE VOTOS, A SUSPENSÃO DE 2 (DUAS ) PARTIDA, COM FULCRO NO ARTIGO 254-A E 182 DO CBJD.

JOÃO ANTONIO BATISTA: POR UNANIMIDADE, ABSOLVIDO.

 

JOSÉ EDUARDO QUINTAS DE MELO

Presidente em exercício da 1° Comissão Disciplinar

 

AMANDA ANTUNES VASCONCELLOS

Secretária do Tribunal de Justiça Desportiva do Paraná




Referências:

07/05/2015 - Pauta 1ª Comissão Disciplinar - 11 de maio de 2015
Publicação: 11/05/2015 às 19:47