Sessão: Sexta-feira, 05 de junho de 2015

.: Decisão 3ª Comissão Disciplinar - 03 de junho de 2015. :.

3° COMISSÃO DISCIPLINAR

ATA DA SESSÃO DO DIA 03 DE JUNHO DE 2.015

EDITAL DE CITAÇÃO/INTIMAÇÃO N° 040/2015

 

Ao terceiro dia do mês de junho do ano de dois mil e quinze, às dezenove horas, na sede do Tribunal de Justiça Desportiva do Estado do Paraná localizada na Avenida República Argentina, 2153, bairro Portão, Curitiba, Paraná, reuniram-se os Auditores Membros da 3° Comissão Disciplinar deste Tribunal, Samuel Torquato – Presidente da Comissão, Mauro Ribeiro Borges, Irineu Toninello,, e o procurador Bruno Cavalcante de Oliveira. Estando ausente Humberto Ciccarino Filho, José Alvacir Guimarães. Havendo quorum legal, passou-se a pauta, observando-se os pedido de preferência, na ordem adiante transcrita:

 

AUTOS N° 137/2015 – EM TRÂMITE

AUDITOR RELATOR: DR. HUMBERTO CICCARINO FILHO

52º TAÇA PARANA DE FUTEBOL AMADOR –JUVENIL -2015

JOGO: NACIONAL COLOMBO X COSTEIRA FC

DATA: 17/05/2015

DENUNCIADO (S):

NACIONAL COLOMBO

COSTEIRA FC

DENÚNCIA DA PROCURADORIA: DR. BRUNO CAVALCANTE DE OLIVEIRA

 1° DENUNCIADO: NACIONAL COLOMBO, entidade de pratica desportiva, por entrar ao campo de partida com 5 (cinco) minutos de atraso, ou seja, deveria adentrar ao campo às 14h55m., sendo que só o fez às 15h00m., gerando o atraso de 9 (nove) minutos no inicio da partida, descumprindo assim o artigo 43 do regulamento geral das competições. Por assim agir, a equipe denunciada incorre na sanção prevista no art. 191, inciso III e artigo 206, ambos do CBJD. 

2° DENUNCIADO: COSTEIRA F.C., entidade de pratica desportiva, por entrar ao campo de partida com 7 (sete) minutos de atraso, ou seja, deveria adentrar ao campo às 14h55m., sendo que só o fez às 15h02m., gerando o atraso de 9 (nove) minutos no inicio da partida, descumprindo assim o artigo 43 do regulamento geral das competições. Por assim agir, a equipe denunciada incorre na sanção prevista no art. 191, inciso III e artigo 206, ambos do CBJD.

Observações:

Defensor (a):

DECISÃO DA 3º C.D.:

 NACIONAL COLOMBO: POR MAIORIA, ABSOLVIDO.

 COSTEIRA F.C: POR MAIORIA, ABSOLVIDO.

  

AUTOS N° 140/2015 – EM TRÂMITE

AUDITOR RELATOR: DR. IRINEU TONINELLO

CAMPEONATO 52ª TAÇA PARANA DE FUTEBOL AMADOR – ADULTO -2015.

JOGO: FANATICO FC X JARDIM ALEGRIA PACRISA

DATA: 17/05/2015

DENUNCIADO (S):

JAIR G. DE L. JUNIOR

AROLDO SANTOS

RAFAEL R. DA SILVA

RAFAEL R. DA SILVA

RAFAEL R. DA SILVA

RAFAEL R. DA SILVA

JARDIM ALEGRIA PACRISA

JARDIM ALEGRIA PACRISA

DENÚNCIA DA PROCURADORIA: DR. BRUNO CAVALCANTE DE OLIVEIRA

 1° DENUNCIADO: JAIR G. DE L. JUNIOR, atleta da equipe do JARDIM ALEGRIA  PACRISA, foi expulso de forma direta aos 71’ de partida,  por após a marcação de uma falta, levantar, empurrar o atleta adversário e bater boca com o mesmo proferindo as seguintes palavras: “vai se foder, filho da puta de merda, pau no cu do caralho”. Por assim agir, a equipe denunciada incorre na sanção prevista no art. 258, ‘caput’, do CBJD.

2° DENUNCIADO: AROLDO SANTOS, atleta da equipe do FANÁTICO F.C., foi expulso de forma direta aos 71’ de partida,  por revidar a agressão recebida com empurrões de seu adversário, proferindo as seguintes palavras: “filho da puta é você, jogadorzinho de merda, quem você pensa que é filho da puta”. Por assim agir, a equipe denunciada incorre na sanção prevista no art. 258, ‘caput’, do CBJD.

3° DENUNCIADO: RAFAEL R. DA SILVA, atleta da equipe JARDIM ALEGRIA  PACRISA, foi expulso de forma direta aos 90’+2 de partida, por proferir as seguintes palavras ao arbitro da partida, após o gol sofrido pela sua equipe:   “você é um filho da puta, cuzão do caralho, seu merda, olha a cagada que você fez, seu filho da puta, eu vou te matar, quero ver se tem coragem de ir em São José seu merda”. Por assim agir, o denunciado incorre na sanção prevista no art. 258, §2.°, inciso II, do CBJD.

4° DENUNCIADO: RAFAEL R. DA SILVA, atleta da equipe JARDIM ALEGRIA  PACRISA, após ser expulso, tentou por duas oportunidades atingir, de forma violenta, a bola no arbitro principal, chutando-a em sua direção. Por assim agir, o denunciado incorre na sanção prevista no art. 254-A, §3.°, combinado com o artigo 157, inciso II, ambos do CBJD.

5° DENUNCIADO: RAFAEL R. DA SILVA, atleta da equipe JARDIM ALEGRIA PACRISA, após ser expulso, empurrou o arbitro principal e tentou chutá-lo, não conseguindo o seu intento por ter sido impedido pelos colegas de equipe. Por assim agir, o denunciado incorre na sanção prevista no art. 254-A, §3.°, (por duas vezes) combinado com o artigo 157, inciso II, ambos do CBJD.

6° DENUNCIADO: RAFAEL R. DA SILVA, atleta da equipe JARDIM ALEGRIA PACRISA, após ser expulso, cuspiu 07 (sete) vezes no arbitro principal, conforme relatório do mesmo em anexo. Por assim agir, o denunciado incorre na sanção prevista no art. 254-B, parágrafo único, (por sete vezes), do CBJD.

7° DENUNCIADO: JARDIM ALEGRIA  PACRISA, equipe de pratica desportiva, por não impedir a desordem causada pelo atleta de sua equipe, Rafael R. da Silva, por mais de 04 (quatro) minutos, sendo que a desordem só cessou após a intervenção da policia militar. Por assim agir, o denunciado incorre na sanção prevista no art. 213, inciso I, do CBJD.

8° DENUNCIADO: JARDIM ALEGRE PACRISA, equipe de pratica desportiva, pela desordem em seu vestiário que ocasionou na danificação de 01 (uma) porta do vestiário da equipe mandante, devidamente informado pela referida equipe e relatado pelo arbitro da partida. Por assim agir, o denunciado incorre na sanção prevista no art. 213, inciso I, do CBJD.

Observações:

Defensor (a):

DECISÃO DA 3º C.D.:

 JAIR G. DE L. JUNIOR : POR UNANIMIDADE, SUSPENSÃO DE 1 (UMA) PARTIDA EM CONCRETO.

 AROLDO SANTOS : POR UNANIMIDADE, SUSPENSÃO DE 1 (UMA) PARTIDA EM CONCRETO.

 RAFAEL R. DA SILVA : POR UNANIMIDADE, SUSPENSÃO DE 60 (SESSENTA) DIAS EM CONCRETO E SUSPENSÃO DE  ( 1 PARTIDA)

 RAFAEL R. DA SILVA : POR UNANIMIDADE, SUSPENSÃO DE 1(UMA) PARTIDA.

 RAFAEL R. DA SILVA : POR UNANIMIDADE, SUSPENSÃO DE 1(UMA) PARTIDA.

 RAFAEL R. DA SILVA : POR UNANIMIDADE, SUSPENSÃO DE 3 (TRES) PARTIDA.

 JARDIM ALEGRIA PACRISA : POR UNANIMIDADE, ABSOLVIDO.

JARDIM ALEGRIA PACRISA : POR UNANIMIDADE, ABSOLVIDO.

 

 AUTOS N° 143/2015 – EM TRÂMITE

AUDITOR RELATOR: DR. JOSÉ ALVACIR GUMARAES

52º TAÇA PARANA DE FUTEBOL AMADOR –2ª RODADA- 2º TURNO -2015

JOGO: LOS COYUDOS FC X AE GUARAPUAVANOS

DATA: 03/05/2015

 DENUNCIADO (S):

IVAIR O. JUNIOR

DENÚNCIA DA PROCURADORIA: DR. PEDRO HENRIQUE VAL FEITOSA

 1° DENUNCIADO: IVAIR O. JUNIOR, técnico da EDP Los Coyudos FC, excluído de campo aos 23’ (vinte e três minutos) do primeiro tempo de partida, pois, conforme consta do relatório do árbitro da partida e do Delegado do jogo, reclamou da equipe de arbitragem, dirigindo-se ao árbitro proferindo os seguintes dizeres: “você está roubado”. Ainda, fora do campo disse: “vai morrer, filho da puta, pau no cú”. Com tal conduta, o Denunciado praticou o ilícito tipificado no art. 258, do CBJD.

Observações:

Defensor (a):

DECISÃO DA 3º C.D.:

 IVAIR O. JUNIOR : POR UNANIMIDADE, ABSOLVIDO.

 

Nada mais havendo a tratar, o Presidente encerrou a sessão, agradecendo a presença de todos, sendo lavrada a presente ata que, lida e aprovada pelos demais auditores, vai assinada pelo Presidente e por mim, Amanda Antunes Vasconcellos, Secretária do Tribunal de Justiça Desportiva do Estado do Paraná.

Curitiba/PR, 03 de Junho de 2.015.

SAMUEL TORQUATO

Presidente da Terceira Comissão Disciplinar

 

AMANDA ANTUNES VASCONCELLOS

Secretaria do Tribunal de Justiça Desportiva do Paraná




Referências:

29/05/2015 - Pauta 3ª Comissão Disciplinar - 03 de junho de 2015
Publicação: 05/06/2015 às 11:59