Sessão: Terça-feira, 18 de agosto de 2015

.: Decisão 2ª Comissão Disciplinar - 18 de agosto de 2015 :.

2° COMISSÃO DISCIPLINAR

ATA DA SESSÃO DO DIA 18 DE AGOSTO DE 2.015

EDITAL DE CITAÇÃO/INTIMAÇÃO N° 070/2015

Ao décimo oitavo dia do mês de agosto do ano de dois mil e quinze, às dezenove horas, na sede do Tribunal de Justiça Desportiva do Estado do Paraná localizada na Avenida República Argentina, 2153, bairro Portão, Curitiba, Paraná, reuniram-se o Presidente Cesar Augusto Gradela, auditores, Luciano Costenaro de Oliveira, Renato Galvão Carrillo, e o Procurador Pedro Henrique Val Feitosa. Estando ausente o auditor Helio Anjos Ortiz Neto, ausência justificada. Havendo quorum legal, passou-se a pauta, observando-se os pedido de preferência, na ordem adiante transcrita: 

 

AUTOS N°. 220/2015 – EM TRAMITE

AUDITOR RELATOR: LUCIANO COSTENARO DE OLIVEIRA                                               

CAMPEONATO PARANAENSE DE FUTEBOL – SUB 19 - 2015

CASCAVEL C.R

OFICIO DE N° 308/2015

DENUNCIADO (S):

CASCAVEL C.R

DENÚNCIA DA PROCURADORIA: DR. BRUNO CAVALCANTE DE OLIVEIRA

1° DENUNCIADO: CASCAVEL C.R, entidade de pratica desportiva, por relacionar o atleta de nome JONAS PEDRO SZYMANSKI DE MELO, para o jogo ocorrido em 12/07/2015, quando, em verdade, referido atleta não detinha condições legais de jogo, por ter recebido 03 (três) cartões amarelos em partidas anteriores (24/05/2015 , 07/06/2015 e 02/07/2015), sendo que deveria ter cumprido a suspensão automática na partida seguinte (a que fora mencionada inicialmente – 12/07/2015), o que não fez. Desta forma, a equipe ora denunciada infringiu o artigo 27º §2º, do Regulamento Geral das Competições bem como o artigo 214, “caput” do cbjd.

Observações: ADITADA A DENUNCIA EM SESSÃO PELA PROCURADORIA, AGUARDANDO NOVA INTIMAÇÃO.

Defensor (a):

 

DECISÃO DA 2º C.D.:

CASCAVEL C.R:

 

AUTOS N°.225/2015 – EM TRÂMITE

AUDITOR RELATOR: LUCIANO COSTENARO DE OLIVEIRA

CAMPEONATO PARANENSE DE FUTEBOL SUB 19 – 2015

JOGO: APUCARANA SPORTS X COLORADO AC

DATA: 01/07/2015        

DENUNCIADO (S):

GERONIMO DA SILVA LOPES

APUCARANA SPORTS

DENÚNCIA DA PROCURADORIA: DR. MARCELO FONSECA GURNISKI

1° DENUNCIADO: GERONIMO DA SILVA LOPES, atleta com registro na CBF nº 411528, integrante da entidade de prática desportiva Apucarana Sports, por atingir com o braço o goleiro no momento da cobrança do tiro de meta, motivando a sua expulsão, de forma direta, aos 57’00’’ da partida. Por assim agir, incorre nas sanções previstas no artigo 254-A, do Código Brasileiro de Justiça Desportiva.

2° DENUNCIADO: APUCARANA SPORTS, entidade de prática desportiva, por deixar de manter o local indicado para a partida com infraestrutura necessária, uma vez que: (a) o vestiário da equipe de arbitragem não possuía chuveiros, não havia água, não havia iluminação, não havia mesa, a privada não tinha acento e tampa e a limpeza estava precária; (b) o vestiário da equipe mandante não comportava toda a EPD, não havia chuveiro, água e iluminação e a privada não tinha acento e tampa e a limpeza estava precária; e (c) o vestiário da equipe visitante não possuía segurança e seu acesso era difícil e fora dos limites do campo. Por assim agir, incorre nas sanções previstas no artigo 211, do Código Brasileiro de Justiça Desportiva.

 

Defensor (a):

DECISÃO DA 2º C.D.:

GERONIMO DA SILVA LOPES: POR UNANIMIDADE, SUSPENSÃO DE QUATRO PARTIDAS PELO ARTIGO 254 A DO CBJD.

 

APUCARANA SPORTS: POR UNANIMIDADE, MULTA NO VALOR DE  R$ 3.400,00 (TRÊS MIL E QUATROCENTOS REAIS) POR INFRINGIR AO ARTIGO 211 DO CBJD, A SER RECOLHIDA EM 5 DIAS JUNTO A TESOURARIA DA FPF.

 

AUTOS N°. 231/2015 – EM TRAMITE

AUDITOR RELATOR: RENATO GALVÃO CARRILLO                                                           

CAMPEONATO AMADOR DA CAPITAL SÉRIE A- JUVENIL- 2015

JOGO: C.A NACIONAL X A.B.E NOVO MUNDO F.C

DATA: 04/07/2015

DENUNCIADO (S):

GELSON EDUARDO JUNIOR

DENÚNCIA DA PROCURADORIA: DR. BRUNO CAVALCANTE DE OLIVEIRA

1° DENUNCIADO: GELSON EDUARDO JUNIOR, atleta da equipe do A.B.E NOVO MUNDO F.C, foi expulso direto aos 34’ de partida, por pisar de forma proposital no atleta adversário que estava caído, fora da disputa da bola. Frisa – se que este lance foi visto pelo auxiliar, o qual informou o arbitro principal que realizou a expulsão.Por assim agir, incorre nas sanções previstas no artigo 254-A,inciso II, do Código Brasileiro de Justiça Desportiva.

Observações: DEPOIMENTO PESSOAL DO GELSON EDUARDO JUNIOR.

Defensor (a): WILLIAN TOHORU HOSAKA

 

DECISÃO DA 2º C.D.:

GELSON EDUARDO JUNIOR: POR UNANIMIDADE, SUSPENSAO DE DUAS PARTIDAS EM CONCRETO.

AUTOS N°. 237/2015 – EM TRAMITE

AUDITOR RELATOR: RENATO GALVÃO CARRILLO                                                           

TAÇA FPF – PROFISSIONAL – 2015

JOGO: CORITIBA F.C X TOLEDO C.W

DATA: 11/07/2015

DENUNCIADO (S):

CORITIBA FC

LEONARDO S.RAMOS

DENÚNCIA DA PROCURADORIA: DR. BRUNO CAVALCANTE DE OLIVEIRA

1° DENUNCIADO: CORITIBA FC, entidade de prática desportiva, por não disponibilizar aparelhagem de som para a execução dos hinos do Paraná e do Brasil, conforme determina o regulamento geral das competições de 2015, mais especificamente em seu artigo 43, parágrafo único, conforme relatado pelo Delegado da Partida e Arbitro Principal. Por assim agir, a equipe denunciada incorre na sanção prevista no artigo 191, III, do CBJD.

2° DENUNCIADO: LEONARDO S.RAMOS, atleta da equipe do TOLEDO C.W., foi expulso por dupla advertência aos 93’ de partida após calçar o atleta adversário na disputa da bola, impedindo ataque promissor da equipe adversária. Por assim agir, a equipe denunciada incorre na sanção prevista no artigo 258, ‘caput’, do CBJD.

­­­­­­­­­­­­­­­­­Defensor: PEDRO HENRIQUE DOS SANTOS GOMES

Observações: LAVRATURA DE ACORDÃO

DECISÃO DA 2º C.D.:

CORITIBA FC: POR UNANIMIDADE, MULTA NO VALOR DE R$ 2.000,00 (DOIS MIL REAIS) POR INFRINGIR O ARTIGO 191, III DO CBJD, SER RECOLHIDA EM 5 DIAS JUNTO A TESOURARIA DA FPF.

LEONARDO S.RAMOS: POR UNANIMIDADE, ABSOLVIDO.

 

AUTOS N°. 243/2015 – EM TRAMITE

AUDITOR RELATOR: LUCIANO COSTENARO DE OLIVEIRA                                               

CAMPEONATO AMADOR DA CAPITAL – SÉRIE A- JUVENIL - 2015

JOGO: OP. PILARZINHO S.C X S.E.R BANGU

DATA: 04/07/2015

DENUNCIADO (S):

LUIZ GUSTAVO C.A DE PAULA

DENÚNCIA DA PROCURADORIA: DR. BRUNO CAVALCANTE DE OLIVEIRA

1° DENUNCIADO: LUIZ GUSTAVO C.A DE PAULA atleta da equipe do S.E.R. BANGU, foi expulso direto aos 50’ de partida, por ter chutado o atleta adversário que estava caído, fora da disputa da bola. Frisa-se que este lance foi visto pelo auxiliar, o qual informou o arbitro principal que realizou a expulsão. Por assim agir, a equipe denunciada incorre na sanção prevista no artigo 254-A, inciso II, do CBJD.

­­­­­­­­­­­­­­­­­Defensor: WILLIAN TOHORU HOSAKA

Observações:

DECISÃO DA 2º C.D.:

LUIZ GUSTAVO C.A DE PAULA: POR UNANIMIDADE, SUSPENSÃO DE DUAS PARTIDAS EM CONCRETO, POR INFRINGIR O ARTIGO 254-A DO CBJD.  

________________________________________________________________________

Nada mais havendo a tratar, o Presidente encerrou a sessão, agradecendo a presença de todos, sendo lavrada a presente ata que, lida e aprovada pelos demais Auditores, vai assinada pelo Presidente e por mim, Amanda Antunes Vasconcellos, Secretária do Tribunal de Justiça Desportiva do Estado do Paraná. Encerrado o julgamento o Presidente da Comissão declarou aberta votação para escolha da nova composição de presidência e vice presidência para o período que se estenderá até junho de 2016, submetido a votação por unanimidade a presidência será exercida pelo Auditor Cesar Augusto Gradela, sucedida a vice presidência Auditor Hélio Anjos Ortiz Neto.

Curitiba/PR, 18 de Agosto de 2.015.

 

CESAR AUGUSTO GRADELA

Presidente

 

AMANDA ANTUNES VASCONCELLOS

                   Secretária do Tribunal de Justiça Desportiva do Estado do Paraná               




Referências:

13/08/2015 - Pauta 2ª Comissão Disciplinar - 18 de agosto de 2015
Publicação: 18/08/2015 às 19:14