Sessão: Segunda-feira, 21 de setembro de 2015

.: Decisão 1ª Comissão Disciplinar - 21 de setembro de 2015 :.

                                           1° COMISSÃO DISCIPLINAR

ATA DA SESSÃO DO DIA 21 DE SETEMBRO DE 2.015

EDITAL DE CITAÇÃO/INTIMAÇÃO N° 082/2015

Ao vigésimo primeiro dia do mês de setembro do ano de dois mil e quinze, às dezenove horas, na sede do Tribunal de Justiça Desportiva do Estado do Paraná localizada na Avenida República Argentina, 2153, bairro Portão, Curitiba, Paraná, reuniram-se os Auditores Membros da 1° Comissão Disciplinar deste Tribunal, José Eduardo Quintas de Melo - Presidente, auditores, Marcel Souza de Oliveira, Raul Clei Coccaro Siqueira e o procurador Mauricio Mussi. Ausência justificada dos auditores Miguel Ângelo Rasbold e Carlos Alberto Zitta. Havendo quorum legal, passou-se a pauta, observando-se os pedido de preferência, na ordem adiante transcrita:

AUTOS N°. 315/2015 – EM TRÂMITE

AUDITOR RELATOR: DR. RAUL CLEI COCCARO SIQUEIRA

CAMPEONATO AMADOR DA CAPITAL- SERIE B- JUVENIL- 2015

JOGO: OLIMPICO X SE TANGUÁ

DATA: 22/08/2015

DENUNCIADO (S):

SE TANGUÁ

GUSTAVO F. G. CAMALLI

DENÚNCIA DA PROCURADORIA: DR. MARCELO FONSECA GURNISKI

1° DENUNCIADO: SE TANGUÁ, entidade de prática desportiva, por dar causa ao atraso de 20 (vinte) minutos para o início da partida, tendo em vista que, segundo o relato do delegado da partida, o ônibus da EPD quebrou. Por assim agir, incorre nas sanções previstas no artigo 206, do Código Brasileiro de Justiça Desportiva.

2º DENUNCIADO: GUSTAVO F. G. CAMALLI, atleta com registro CBF nº 508052, integrante da entidade de prática desportiva SE Tanguá, por reclamar acintosamente, motivando a sua expulsão, por dupla advertência, aos 34’00’’ da partida. Por assim agir, incorre nas sanções previstas no artigo 258, do Código Brasileiro de Justiça Desportiva.

OBSERVAÇÕES: DEPOIMENTO PESSOAL DE MAURICIO GRZYBOWSKI, PORTADOR DA CEDULA DE IDENTIDADE Nº 5.333.642-6.

Defensor: WILLIAM TOHORU HOSAKA

DECISÃO 1º C.D:

SE TANGUÁ:POR UNANIMIDADE, MULTA NO VALOR DE R$ 1.000,00 (HUM MIL REAIS) EM CONCRETO, SENDO R$ 50,00 (CINQUENTA REAIS) POR MINUTO DE ATRASADO, A SER RECOLHIDA NO PRAZO DE 5 DIAS JUNTO A TESOURARIA DA FPF.

 GUSTAVO F. G. CAMALLI: POR UNANIMIDADE, ABSOLVIDO.

 

 

 AUTOS N°.318/2015 – EM TRÂMITE

AUDITOR RELATOR: DR. MARCEL SOUZA DE OLIVEIRA

TAÇA FPF- 2015

JOGO: CIANORTE FC X TOLEDO CW

DATA: 02/08/2015

DENUNCIADO (S):

BENHUR MANFINI

DENÚNCIA DA PROCURADORIA: DR. RODRIGO GALLÉAS

1° DENUNCIADO: BENHUR MANFINI, do Toledo CW, por derrubar seu adversário em uma oportunidade clara de gol segurando-o pelo braço e atingindo também sua perna com o pé. Com sua atitude infringe o art. 250 do CBJD.

Defensor (a):

DECISÃO 1° C.D.:

BENHUR MANFINI: POR UNANIMIDADE, ABSOLVIDO.

 

AUTOS N°.321/2015 – EM TRÂMITE

AUDITOR RELATOR: DR. CARLOS ALBERTO ZITTA

CAMPEONATO PARANAENSE DE FUTEBOL SUB 17- 2015

JOGO: PARANÁ CLUBE X CORITIBA FC

DATA: 01/08/2015

DENUNCIADO (S):

GABRIEL V. O. FURTADO

DENÚNCIA DA PROCURADORIA: DR. . RODRIGO GALLÉAS

1° DENUNCIADO: GABRIEL V. O. FURTADO, atleta do Paraná Clube, por atingir com a sola da chuteira a cabeça de seu adversário em uma entrada lateral com força excessiva. Configurando, portanto, infração ao artigo 254-a do CBJD.

Observações: DEPOIMENTO DO DENUNCIADO GABRIEL V. O. FURTADO. A DEFESA REQUEREU A JUNTADA DE VIDEO NO PRAZO DE 5 DIAS. A DEFESA REQUER LAVRATURA DE ACORDÃO A CARGO DO RELATOR MIGUEL ANGELO RASBOLD. DEFERIDO O PEDIDO PARA INTIMAÇÃO TANTO DO CLUBE E DO ADVOGADO, ATRAVES DO EMAIL RUANCASEMIRO@GMAIL.COM, COM EXPRESSA CONCORDANCIA DO PROCURADOR AQUI PRESENTE.

Defensor (a): RUAN CASEMIRO STEFANKOWSKI

DECISÃO 1° C.D.:

GABRIEL V. O. FURTADO: POR MAIORIA, SUSPENSÃO DE OITO PARTIDA EM CONCRETO POR INFRINGIR O ARTIGO 254-A DO CBJD SEM A APLICAÇÃO DO ARTIGO 182 DO CBJD EM VIRTUDE DA GRAVIDADE E DA REINCIDENCIA, CONFORME PERMITIDO PELO §3º DO MESMO ARTIGO.

______________________________________________________________________________

AUTOS N°.324/2015 – EM TRÂMITE

AUDITOR RELATOR: DR. RAUL CLEI COCCARO SIQUEIRA

CAMPEONATO AMADOR DA CAPITAL – SÉRIE A- ADULTO- 2015

JOGO: UNIÃO NOVA ORLEANS X URE SANTA QUITÉRIA

DATA: 08/08/2015

DENUNCIADO (S):

MARIO C. RAMOS

DENÚNCIA DA PROCURADORIA: DR. BRUNO CAVALCANTE DE OLIVEIRA

1° DENUNCIADO: MARIO C. RAMOS, auxiliar técnico da equipe do URE SANTA QUITÉRIA, foi expulso aos 83’ de partida do banco de reservas por reclamar acintosamente da marcação de um impedimento, proferindo as seguintes palavras: “Você ta louco! Marcou o que caralho? Que merda mesmo”. Por assim agir, o denunciado incorre na sanção prevista no art. 258, §2.°, inciso II, do CBJD.

Observações:

Defensor (a): WILLIAM TOHORU HOSAKA

DECISÃO 1° C.D.:

MARIO C. RAMOS: POR UNANIMIDADE, ABSOLVIDO.

 

AUTOS N°.327/2015 – EM TRÂMITE

AUDITOR RELATOR: DR. MIGUEL ANGELO RASBOLD

CAMPEONATO AMADOR DA CAPITAL – SÉRIE B- ADULTO- 2015

JOGO: OLIMPICO X SBE RIO NEGRO

DATA: 15/08/2015

DENUNCIADO (S):

SBE RIO NEGRO 

DENÚNCIA DA PROCURADORIA: DR. RICARDO MAGNO QUADROS

1° DENUNCIADO: SBE RIO NEGRO, através do Ofício 358/2015 da FPF, verificou-se que o SBE RIO NEGRO incluiu na súmula da partida 2 (dois) atletas irregulares. A irregularidade que impede os atletas de possuírem condições legais de jogo, decorre da ausência de registro na FPF. Por assim agir, o denunciado incorre na sanção prevista no art. 10 DO Regulamento Específico da Competição, artigo 191, III e artigo 214 §1º2º3º e 4º ambos do CBJD.

Observações:

Defensor (a): WILLIAM TOHORU HOSAKA

DECISÃO 1° C.D.:

SBE RIO NEGRO: POR UNANIMIDADE, PERDA DE TRÊS PONTOS POR INFRINGIR O ARTIGO 214 DO CBJD E MULTA NO VALOR DE R$ 150,00 (CENTO E CINQUENTA REAIS) A SER RECOLHIDA NO PRAZO DE 5 DIAS JUNTO A TESOURARIA DA FPF.

 

AUTOS N°.330/2015 – EM TRÂMITE

AUDITOR RELATOR: DR. MARCEL SOUZA DE OLIVEIRA

CAMPEONATO AMADOR DA CAPITAL – SÉRIE B- JUVENIL- 2015

JOGO: EC SERGIPE X VASCO DA GAMA FC

DATA: 08/08/2015

DENUNCIADO (S):

MARLON M. S. SILVA

DENÚNCIA DA PROCURADORIA: DR. RODRIGO GALLÉAS

1° DENUNCIADO: MARLON M. S. SILVA, atleta do Vasco da Gama, por impedir uma oportunidade de gol com as mãos na bola. Infringindo o art. 250 §1º-I do CBJD

Observações:

Defensor (a): WILLIAM TOHORU HOSAKA

DECISÃO 1° C.D.:

MARLON M. S. SILVA: POR UNANIMIDADE, ABSOLVIDO.

 

AUTOS N°.333/2015 – EM TRÂMITE

AUDITOR RELATOR: DR. MARCEL SOUZA DE OLIVEIRA

CAMPEONATO AMADOR DA CAPITAL – SÉRIE B- ADULTO- 2015

JOGO: GR IPIRANGA X UNIÃO CAPÃO RASO FC

DATA: 25/07/2015

DENUNCIADO (S):

LUCIANO DRAGO

DENÚNCIA DA PROCURADORIA: DR. RICARDO MAGNO QUADROS

1° DENUNCIADO: LUCIANO DRAGO, auxiliar técnico do União Capão Raso, expulso aos 67 minutos por protestar de maneira grosseira proferindo as seguintes palavras: “tá engessado porra”.  . Por assim agir, o denunciado incorre na sanção prevista no artigo 258- §2º, II do CBJD.

Observações:

Defensor (a): WILLIAM TOHORU HOSAKA

DECISÃO 1° C.D.:

LUCIANO DRAGO: POR UNANIMIDADE, ABSOLVIDO.

 

AUTOS N°.336/2015 – EM TRÂMITE

AUDITOR RELATOR: DR. MARCEL SOUZA DE OLIVEIRA

CAMPEONATO AMADOR DA CAPITAL – SÉRIE B- JUVENIL- 2015

JOGO: S. TRINDADE FC X ABE FLAMENGO

DATA: 04/07/2015

DENUNCIADO (S):

ABE FLAMENGO

DENÚNCIA DA PROCURADORIA: DR. RAFAEL FABRÍCIO DE MELO

1° DENUNCIADO: ABE FLAMENGO, Equipe de Prática Desportiva, por ter, no jogo acima descrito, UTILIZADO 9 ATLETAS, dentre os 14 relacionados na súmula, EM COMPLETA SITUAÇÃO DE IRREGULARIDADE, pois, na data aprazada para participação na partida não estavam registrados como atletas vinculados a denunciada, restando portando, vedada tal participação nos termos do Artigo 18 do Regulamento Geral das Competições da Federação Paranaense de Futebol. Por assim agir, incorreu a denunciada nas sanções previstas nos artigos 191, III e 214, ambos do CBJD.

Observações: DEPOIMENTO PESSOAL DO DIRETOR JAIR JOSÉ LUCCA PORTADOR DA CEDULA DE IDENTIDADE Nº 1.185.714

 Defensor (a): WILLIAM TOHORU HOSAKA

DECISÃO 1° C.D.:

ABE FLAMENGO: POR UNANIMIDADE, MULTA NO VALOR DE R$ 50,00 (CINQUENTA REAIS) EM CONCRETO A SER RECOLHIDA NO PRAZO DE 5 DIAS JUNTO A TESOURARIA DA FPF E PERDA DE 6 PONTOS, POR INFRINGIR O ARTIGO 191, III E 214 DO CBJD.

 

AUTOS N°.339/2015 – EM TRÂMITE

AUDITOR RELATOR: DR. RAUL CLEI COCCARO SIQUEIRA

CAMPEONATO AMADOR DA CAPITAL – SÉRIE B- ADULTO- 2015

JOGO: UNIÃO AHÚ FC X IMPERIAL FC

DATA: 08/08/2015

DENUNCIADO (S):

UNIÃO AHÚ FC

DENÚNCIA DA PROCURADORIA: DR. BRUNO CAVALCANTE DE OLIVEIRA

1° DENUNCIADO: UNIÃO AHÚ FC, entidade de prática desportiva, por deixar de manter os chuveiros do vestiário da arbitragem em boas condições para seu uso. Salienta-se que o referido chuveiro não esquentava, conforme relatado na sumula da partida. Descumprindo assim o artigo 7°, §1.°, do regulamento geral das competições, incorrendo na sanção prevista no artigo 191, III, do CBJD.

Observações: DEPOIMENTO PESSOAL DE ROBERTO CARLOS ZEPECHOUKA.

Defensor (a): WILLIAM TOHORU HOSAKA

 DECISÃO 1° C.D.:

 UNIÃO AHÚ FC: POR UNANIMIDADE, ABSOLVIDO.

 

AUTOS N°.342/2015 – EM TRÂMITE

AUDITOR RELATOR: DR. MIGUEL ANGELO RASBOLD

CAMPEONATO AMADOR DA CAPITAL – SÉRIE B- JUVENIL- 2015

JOGO: VASCO DA GAMA FC X SOBI SÃO BRAZ

DATA: 15/08/2015

DENUNCIADO (S):

EDGAR FELIPE NOGUEIRA

DENÚNCIA DA PROCURADORIA: DR. RODRIGO GALLÉAS

1° DENUNCIADO: EDGAR FELIPE NOGUEIRA, preparador físico do SOBI São Braz, por reclamar acintosamente com a equipe de arbitragem. Configurando infração ao art. 258 §2º-II do CBJD.

Observações:

Defensor (a): WILLIAM TOHORU HOSAKA

 

DECISÃO 1° C.D.:

 EDGAR FELIPE NOGUEIRA: POR UNANIMIDADE, ABSOLVIDO.

 

Nada mais havendo a tratar, o Presidente encerrou a sessão, agradecendo a presença de todos, sendo lavrada a presente ata que, lida e aprovada pelos demais Auditores, vai assinada pelo Presidente e por mim, Amanda Antunes Vasconcellos, Secretária do Tribunal de Justiça Desportiva do Estado do Paraná. 

JOSÉ EDUARDO QUINTAS DE MELO

Presidente

AMANDA ANTUNES VASCONCELLOS

 




Referências:

16/09/2015 - Pauta 1ª Comissão Disciplinar- 21 de Setembro de 2015
Publicação: 21/09/2015 às 19:07